Tradutor

Traduza Agora o Blog Game Over S.S para lê-lo com mais comodidade!
English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Ferramentas Blog

quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Dupla análise - Resident Evil Retribution e Resident Evil Damnation.

Olá pessoal! Hoje eu vim trazer uma análise dupla, sobre os dois filmes de Resident Evil que saíram esse mês, Resident Evil :Retribution (Retribuição) em Live Action e Damnation (Danação Condenação) em CG. Irei primeiramente falar do filme em Live Action.

Resident Evil 5: Retribuição é a continuação da saga de Alice contra a Umbrella Corporation.Dessa vez Alice está presa em uma base subaquática de onde deve fugir com a ajuda de Ada Wong, ao mesmo tempo em que é perseguida por Jill Valetine. Vou começar falando do óbvio, o roteiro, que está simples e vazio como os dos filmes anteriores, parece que tudo ali é só uma desculpa para as cenas de ações estarem acontecendo.Há sim ideias interessantes, mas mau desenvolvidas, como o motivo da Umbrella ter uma base secreta, entre outras coisas, mas as falhas no roteiro aparecem mais do que os pontos positivos, o que cria um filme raso com base em cenas de ação.

Sobre os personagens podemos falar de retornos desnecessários com clones de antigos personagens, Carlos e One por exemplo, não tem importância nenhuma na trama e poderiam não existir, já que só aparecem em cenas de ação e pasmem, o clone "malvado" de Carlos não tem nem se quer uma frase no filme todo.Um bom retorno foi o de Rain, a personagem que agora aparece em duas versões, traz uma carga diferente ao filme e foi bem trabalhada, tanto a versão boa quanto a versão má.
Sobre os novos personagens podemos dizer que Ada Wong é espetacular, mas o roteiro não convence , já que não traz a mesma espiã "vadia" com sorrisos irônicos e personalidade dupla.Leon Scott Kennedy não tem nada em comum com sua parte no jogo além das roupas, e diferente dos games aonde há uma relação tensa com Ada, nesse filme ele é totalmente apaixonado pela espiã e não tem medo em demonstrar isso; Já Barry Burton vem em uma atuação incrível com a mesma entonação de voz do personagem dos games, além disso ele também conta com piadas e um "momento magnum", no qual ele utiliza a sua arma favorita, mas apesar da boa atuação e de cenas legais, esse Barry ainda está longe de ser o paizão dos games mas mesmo assim ainda é um bom personagem. Já Luther, personagem do longa anterior, não tem importância nenhuma na trama e poderia facilmente ser descartado.

Jill Valetine que deveria ser o ponto alto do filme aparece como mera coadjuvante e apesar da atuação competente, ela não convence e pouco lembra a versão dos games, além disso não é explicado nada como ela foi capturada pra Umbrella, para que e coisas do tipo, criando uma Jill totalmente rasa.
As cenas de ações são legais em algumas partes como o começo, mas ficam repetitivas depois de um tempo, afinal já estamos há 5 filmes vendo uma protagonista overpower chutando zumbis ao som de música eletrônica e Rock N' Roll, além disso, Alice como protagonista absoluta que não precisa de ajuda dos outros personagens é muito ruim, eu particularmente odeio essa soberania da Alice sobre os outros personagens. Outra coisa que irrita são os ângulos aonde objetos são jogados para tela para "aproveitar" o efeito 3D, e isso vem acompanhado de muito slowmotion, o que faz o filme parecer um reaproveitamento muitas vezes.

Com um roteiro horrível, boas cenas de ação mas exageradas, REtribuição é bom para quem gosta de filmes com protagonistas soberanos, tramas rasas e muitas cenas de ação, mas para os fãs dos jogos que há anos anseiam que os filmes acabem, "RE5" é totalmente decepcionante e descartável, sendo na minha opinião um dos piores da franquia.
Nota: 2/10


Análise - Resident Evil Danação Condenação

Os fãs da franquia de jogos podem comemorar, pois a Capcom em parceira com a Sony Pictures desenvolveu mais um filme em CG, sucessor espiritual de Degeneração e prequel de RE6, RE:Condenação é mais um filme fiel aos jogos e que faz parte do canon principal da franquia, e eu aviso desde já, o filme é MUITO BOM!

A trama se desenrola entre uma guerra civil na república Eslava do Leste, a guerra é entre os separatistas chamados de exército da liberdade e o governo local, Leon Scott Kennedy é levado para lá no que deveria ser suas férias, e quando há notícias de que armas biológicas estão sendo usadas na guerra, ele não tem outra escolha se não ficar e descobrir quem está por trás da distribuição de tais armas.
O roteiro é muito bem escrito e prende o público, com uma trama independente dos jogos mas ao mesmo tempo fiel a série.Nesse filme vemos ganados como em Resident Evil 4, causados pelas plagas (Aliás, os poucos momentos com ganados nesse estrupam totalmente as cenas com ganados dos filmes de Paul Anderson), e esses ganados são bem competentes, melhores que os zumbis que tínhamos em Degeneração, aliás a cena com a plaga saindo da cabeça de um é espetacular.

Falando das cenas, há momentos calmos e de tensão, mas que não chegam a dar medo , mas há também grande combates embalados por músicas mais agitadas que são bem legais e não exagerados como nos Live-Actions.Esse filme também é 3D, mas não exagera nos cortes para "jogar na tela", nem no slowmotion, além do mais, as cenas de luta são bem feitas e os movimentos soltos não lembram em nada os travados do seu antecessor, o Degeneração.

Há muitas referências a games anteriores e também há muitos conceitos novos, sendo bem utilizados e fazendo nós pensarmos sobre o futuro da série. No quesito gráfico RE Danação é muito bonito com texturas que se destacam principalmente nas cenas diurnas, mas um problema ainda presente é a falta de boas expressões faciais para os personagens, principalmente para Leon Scott Kennedy que aparece com expressões duras e que tem pouca variação.
Os novos personagens introduzidos são muito bons e tem o carisma dos personagens dos games, não há nenhum com pouca relevância na trama, todos são parte de um grande conjunto que ocorre.Nesse quesito podemos destacar Buddy o "parceiro" de Leon, que foi um personagem muito bem aproveitado e Stvelana (Acho que é isso LOL), a Presidente do país aonde o filme se passa;ambos os personagens são bem desenvolvidos e interessantes.

Por fim eu digo que é um filme muito bom, que prende o espectador e traz uma boa visão para o futuro da franquia, além de personagens muito bem trabalhados e cenas incríveis com as mais diversas armas biológicas. Para mim esse é o melhor filme de Resident Evil até agora, superando seu sucessor, o Degeneration
Nota: 9/10

É isso pessoal, depois eu vou postar uma análise sobre as duas demo de Resident Evil 6, até mais!

5 comentários:

  1. Muito foda cara, lendo isso sobre o Retribution até perdi a vontade de ir no cinema ver lol

    ResponderExcluir
  2. O Damnation com certeza ia ser melhor que o "5",esses sim são filmes de RE.
    Mas já saiu mesmo? D:

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só em versão digital, no Zune, Xbox Live e Playstation Network (Mas só pra alugar)

      Excluir
  3. LOL, eu ri quando vi o Leon do Retribution, caramba, parece um fumante.
    Eu assisti só os 3 primeiros filmes da Alice, francamente não aguento mais ver essa série que suja o nome do jogo.
    Já o Condenação(danação) já esperava que fosse bom, diferente dessa franquia horrorosa da Alice esses filmes em CG são fieis aos jogos, e como os jogos tem uma história boa não tinha como dar errado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De boa, que bosta é aquela? Por um acaso escolheram um sósia do Queixo Rubro? hahahaha.

      Excluir

Related Posts with Thumbnails