Tradutor

Traduza Agora o Blog Game Over S.S para lê-lo com mais comodidade!
English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Ferramentas Blog

quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Análise: Uncharted 2: Among Thieves

Ficha: Uncharted 2: Among Thieves

Plataformas: Exclusivo PS3

Data de Lançamento: 13 de Outubro de 2009


Conheça Nathan Drake, o cara mais azarado do mundo, como ele mesmo se descreve no jogo: "All that i touch turns into Shit" ,algo como "Tudo que eu toco vira merda" . Sua missão é impedir de que a cidade perdida de Shambala (Shangri-La) caia nas mãos errradas.

O jogo começa com Drake sentado em um trem descarilhado com a mão na barriga, depois de um tempo ele nota que o trem estava caindo, nesse momento ele começa a tentar subir... depois de chegar a terra firme ele começa a se lembrar do que começou a três meses atrás:
Harry Flyn , um "amigo" de Nate tinha um cliente que desejava uma peça do Museu, uma lampada que pertenceu a Marco Polo.Depois de passar todos os guardas, os dois pegaram a peça e para ter certeza de que era verdadeira Drake quebrou ela no chão, dentro dela havia peças de resina e um papel em branco, o protagonista nada burro queima a resina que produz uma luz azul e revela um mapa, Harry rouba o Mapa e ainda dá tiros nas outras peças do museu para Drake ser pego e ficar atrás grades. Mas esse é só começo da história: Drake irá desde Borneo, para o Nepal e Tibet, contará com a ajuda de suas amigas Chloe e Elena, e claro também dos amigos Sully e Tenzin. Tudo isso para impedir Lazarevic (O cliente de Harry) de obter a vida eterna em Shambala. Em questão de jogabilidade, Uncharted é como Tomb Raider, ou seja fazer as acrobacias ao mesmo tempo em que explora templos, uma coisa legal e que quase sempre Drake quebra alguma coisa fazendo nós pensarmos em outra rota. No que se diz respeito a combates eles são feitos com armas de fogo , que tem uma variedade incrivel: Snipers, Snipers Metralhadoras (xD), Metralhadoras, Sub Metralhadoras, Magnuns, Pistolas, e é claro a boa e velha 12!
Só podemos ficar com duas armas de cada porte, por exemplo se eu tenho uma pistola eu tenho que discarta-la para poder pegar uma Magnum, a mesma coisa se eu tenho uma metralhadora e quero a ShotGun, sei parece estranho mas você se acustuma.
Os gráficos são uma parte bélissima no jogo, você pode se confudir com um filme nas cutscenes, o nivel gráfico fácil dos personagens é incrivel, as roupas também tem fisica incrivel, se você entra na aguá até a cintua por exemplo, ele fica molhada só até a cintura, se você entrar totalmente, ficará enxarcado, na neve também dependendo de quanto você afunda mais a roupa de Nathan vai mudando.

Ainda existe o sistema de tesouros, são 101 espalhados pelo game, eles são encontrados em diversas partes:Embaixo de bancos, atolados na neve, nas folhas de uma árvore, a cada 10 tesouros encontrados você ganha uma quantidade de dinheiro. Com esse dinheiro você pode comprar filtros que mudam a aparencia do game, comprar armas que bem... você usa para matar seus inimigos :P, e outras coisas como roupas, artworks e concept arts.

O sistema de vida é como em Call of Duty, ou seja quanto mais tiro , porrrada (Duas coronhadas do inimigo te matam, é mais eficiente que RPG-7...) a tela vai ficando vermelha, e as cores vão acabando, quando está cinza fraquinho você precisa se proteger, quando esta totalmente cinza e branco Nathan tem uma grande chance de morrer.

Os inimigos variam bastante, normalmente tem metralhadoras, depois chegam caras totalmente blindados, que demoram alguns tiros para morrer, tanques de guerra que só com 3 RPG-7 explodem, inimigos com Snipers , outros com Riot Shields, e também aparecem o que eu gosto de chamar de Mano Metralha um carinha totalmente blindado com uma metralhadora rotatória (Deve ser o J.J do Resident Evil, vai saber o que ele fez depois que perdeu o emprego...) sem se esqueçer dos nativos azuis, que são OverPower e também vieram do Resident Evil 5 depois que perderam o emprego xD
Ele tem um modo Online mas não consegui jogar, meu primo me disse que é parecido Counter-Strike, mas não sei contar ao certo =/

Okey Fiquem com a primeira análise do ano!

NOTA FINAL:9.5

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails